5 Razões para evitar tocar em assuntos polêmicos nas Redes Sociais

As Redes Sociais são uma ferramenta para as empresas, pequenos comerciantes, comércio e médias\grandes empresas, um ativo para conversar diretamente com o seu público sem precisar investir muito. Mas a redução do custo não reduz a atenção ao conteúdo.

Não é raras ocasiões que vemos marcas apostarem alto em postagens com assuntos da atualidade, voltados para notícias que tendem a ter uma força na comunidade social, mas que também podem ser um mergulho no desconhecido. Ainda que se torne uma publicação viral, temos que prestar atenção em como a reputação será construída.

1. Política não é um lado Na época das eleições a disputa pelo lado certo culminou em um fenômeno de 'unfollow' em massa, entre pessoas e empresas. A discussão política não é um debate que terá vencedores, ninguém é convencido por parte alguma, senão pela própria convicção em acreditar.

Portanto é uma batalha perdida utilizar de argumentos políticos para aproximar o público. Uma vez que 'comentar' sobre um partido não significa 'acreditar em sua marca para depois comprar'.

2. Questões Culturais Etnia, cultura, tradição e crença. São verdadeiros estopins para conversas acontecerem. São um rojão para que algo anônimo se torne muito conhecido. Também é um perigo mortal, quando dito sem pensar. Ainda que as marcas pensem em utilizar tópicos assim, deve repensar como as pessoas a verão. No Brasil, o assunto é sensível que sempre nos faz lembrar da menção popular - "Dívida histórica e apropriação cultural".

Se for um projeto social, abrace a causa. Se não, não cite apenas por citar.

3. Opinar sobre tudo

Opinar sobre tudo demonstra vulnerabilidade e não conhecimento. Até para assuntos que dominamos, precisamos escolher bem as palavras. Portanto opinar para algo que não sabe, apenas para 'pagar' como a marca antenada não é recomendável. Doutrine sua forma de falar e irá atrair o público certo.

4. Marca diferentona

Inovar é uma palavra mágica e poderosa. Mas inovar não é bom sempre. Mudar o time que está ganhando, mudar a tática que deu certo, mudar o hino que conquistou. Apenas mudamos quando percebemos que a mudança já nos rodeia. E embora nossos tempos indicam mudança constante, precisamos identificar quando esse cenário exige que mudemos também.

Lembre-se que toda mudança exige preparo e adaptação. Imagine mudar todo o dia, o custo da adaptação. O custo do investimento. O custo de mudança de público. Mudança de hábito. Pare e pense. Mantenha a consistência, as pessoas confiam muita mais em uma marca que se mantém fiel a sua forma do que ter 'mil caras'.

5. Não crie Hype

Criar altas expectativas, cria altas decepções. Temos a capacidade de superar dificuldades e trazer soluções fascinantes, mas não é sempre que isso acontece e normalmente quando acontece é de forma espontânea e uma vez e outra. Quando há um cenário repetitivo de resultados exuberantes, como seres insaciáveis, procuramos que o resultado próximo seja bem melhor que o anterior.

Se você acostuma seu público que você é um super herói\heróina, acaba criando o péssimo hábito do julgamento. O que obviamente promove a sensibilidade do público. O que muitos indicam como geração 'Mi Mi Mi'. Mas ele estão errados? Você se propõs a ser mais e eles esperam mais. Se fizer menos, errar ou cometer algum deslize, o menor que seja, será criticado.

As Redes Sociais são um canal valorado pelo mercado e possui um notável poder de comunicação, permitindo que os dois lados (produtor e comprador) possuam uma forma de conversar e entrar em um acordo. É continuamente preciso ressaltar que o seu uso depende de um planejamento coerente e de uma aplicação criativa.

A comunicação é sempre estratégica.

#RedesSociais #Polêmica #MarketingDigital

© 2015-2020 Todos os direitos reservados a Junqueira Consultoria - Desenvolvedor: Rafael Junqueira

R. Sete de Setembro, 43 - 3º Andar - Centro, Rio de Janeiro - RJ, 20050-003

Onde estamos

  • LinkedIn - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle
  • Google+ - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • YouTube - Black Circle

Redes Sociais